Saúde e Bem-Estar
  • O cérebro de pessoas solitárias funciona de maneira diferente

     

    Segundo estudos, pessoas solitárias não têm menos conhecimentos sobre habilidades de convívio social, é apenas o nervosismo que os faz comportar de maneira diferente. Essas pessoas ficam isoladas e começam a temer experiências sociais, o que as impede de aproveitá-las.

    Um artigo publicada na “Science of Us” mostrou que isso ocorre devido à ausência de um grupo de apoio por trás de nós, faz com que entremos em um modo de alerta, ficando totalmente nervosos em relação à ameaças. Esses estudos também revelaram que quando pessoas solitárias assistem a uma cena de convívio social em vídeo, passam mais tempo do que a média procurando sinais de ameaça social – como pessoas isoladas no vídeo, ou sendo ignoradas. Saiba mais: http://glo.bo/1T7VVT6.

     
    Envie seu comentário:
    Acompanhe a Torrent
    • Facebook
    • Twitter
    • Torrent Pharma