Notícias
São Paulo libera uso de canabidiol para tratamento de epilepsia em crianças
O Conselho Regional de Medicina de São Paulo, o CREMESP, tomou a iniciativa de regulamentar a prescrição do canabidiol, para o tratamento de crianças que sofrem de epilepsia mioclônicas graves. A resolução permite que a substância seja utilizada no tratamento que não apresentem melhoras expressivas com o uso da medicação existente. O componente não induz efeitos psicóticos ou riscos ao desenvolvimento cognitivo, apesar de sua eficiência médica ainda Leia Mais
Redes de farmácias aceleram expansão
As redes de farmácias se destacam entre as varejistas que mais estão investindo na expansão dos números de lojas no Brasil. Os líderes do setor vêm abrindo um número de lojas por ano na casa de uma centena, ritmo comparável ao de gigantes do varejo nacional. Para os especialistas, as redes buscam dominar novos espaços do mercado antes que a competição, ainda que grupos estrangeiros, aumente. Confira a matéria completa. Fonte: Notícia Hoje Leia Mais
Dia do Médico
  18/10 – Dia do Médico Um dia para homenagear aquele que dá o maior valor à vida: você!   Parabéns pelo seu dia! Leia Mais
Farmacêuticas nacionais faturam mais que estrangeiras
Um estudo da Associação dos Laboratórios Farmacêuticos Nacionais (Alanac) comprovou que as farmacêuticas de capital nacional conquistaram faturamento maior ao das multinacionais que trabalham no país no primeiro semestre de 2014. As empresas brasileiras apresentaram faturamento de R$ 15,7 bilhões entre janeiro e junho de 2014, 51% das vendas totais, que totalizaram R$ 30,9 bilhões, enquanto as multinacionais faturaram 49% do total no mesmo período. Confira Leia Mais
Genéricos ganham mercado no Brasil
Três categorias de remédios mais aprimorados já ocupam quase 30% da comercialização de genéricos no Brasil, aumentando R$ 4,1 bilhões no período de 1 ano, segundo Telma Salles, presidente da PróGenéricos. Os medicamentos para controle de colesterol, antidiabéticos e anti-hipertensivos apresentaram crescimento notável de vendas nos últimos quatro anos.  Confira a matéria completa. Fonte:  Leia Mais
SUS agrega tecnologia para prevenir infartos
  Sendo o principal motivo de infartos, a Doença Arterial Coronariana (DAC) terá uma nova opção de tratamento no Sistema Único de Saúde (SUS). Depois de aprovada pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologia no SUS (Conitec), o Ministério da Saúde liberou o uso do stent farmacológico, recomendado especialmente para os diabéticos e pacientes com danos nos vasos finos. A proposta é que a nova tecnologia auxilie 38 mil pacientes por ano. Leia Mais
Anvisa vai mudar regra para remédio em teste
A Anvisa (Agência Nacional de Saúde) abriu recentemente uma consulta pública com o intuito de receber sugestões da população sobre a autorização de uso de medicamento ainda em fase de estudo. Com a alteração nas normas de vigor, a agência espera diminuir o tempo para análise de autorização e contribuir para o desenvolvimento de remédios.  Confira a matéria completa. Fonte: Notícia Hoje.  Leia Mais
Torrent do Brasil lança genérico da olmesartana, medicamento anti-hipertensivo
Um genérico da olmesartana será lançado simultaneamente no Brasil e nos EUA pelos laboratórios Torrent, com um quarto do preço do similar existente no mercado, e 35% mais barato que a marca de referência. As vendas da Torrent vêm crescendo 17% ao mês desde que entrou no segmento de genéricos há oito meses. Até completar doze meses, a empresa quer conquistar 20% do mercado. Confira a matéria completa. Fonte: Jornal Hoje Livre   Leia Mais
Pesquisa de Parkinson é feita através de relógio inteligente
  A Intel firmou uma parceria com a Fundação Michael J. Fox – ator que sofre com o problema há mais de vinte anos – com o objetivo de desenvolver um estudo sobre a doença, que será realizada por meio de dados coletados por pacientes. Esse levantamento será feito através de relógios inteligentes, que podem detectar tremores e salvar informações em um smartphone, que serão enviadas para a Intel. Saiba mais. Leia Mais
Falta estímulo para o desenvolvimento de novos antibióticos
  Somente nos Estados Unidos, mais de 2 milhões de pessoas são afetadas por infecções resistentes a antibióticos todos os anos e, dentre essas, cerca de 23 mil não sobrevivem. A OMS (Organização Mundial da Saúde) não pode prover estatísticas globais, pois muitos países não revelaram estimativas. Mesmo com o risco proeminente, a indústria farmacêutica não se mostra muito estimulada a desenvolver novas drogas para combater o problema. Saiba mais Leia Mais
Acompanhe a Torrent
  • Facebook
  • Twitter
  • Torrent Pharma